Image Map

29 maio 2017

1, 2, 3 Testando: Shampoo Liso Japa, da La Bella Liss



Olá, meninas e meninos! Tudo bem?


Pois, então...existe um shampoo chamado Liso Japa! Eu fiquei surpresa em saber e logo já me interessei em testar, lógico. Quem mantem o cabelo liso quer que o cabelinho fique sempre bem alinhado, domado, macio, solto e o Liso Japa seria uma ótima manutenção para os demais tratamentos ou "domesticar" aquele cabelo que já é liso, mas tem dias que só Jesus na causa!






Bem, quando a caixinha chegou (mostrei no Instagram) eu já fui abrindo toda empolgada e veio a primeira decepção: a embalagem do produto é do tamanho de um frasco de acetona. "Que sacanagem é essa???"







Mas, tá...procurei ver o lado positivo: bom, é um tamanho bom para testar ou para levar numa viagem, por exemplo. O produto contém óleo de macadâmia e óleo de semente de uva "que ajudam a os fios sem ressecamento, com brilho e maciez" Isto é, tudo que possa trazer uma super hidratação para os fios e, por isso, acredita-se que essa mistura consegue um efeito mais liso. A cor parece de caramelo, é bem líquido e o cheiro é meio esquisitinho, tipo sei lá com alguma coisa adocicada rsrs Não é que seja ruim, mas não consegui distinguir e não deixa de ser esquisito.

Nas instruções do fabricante, você tem que aplicar até fazer bastante espuma, usar o pente para alinhar bem o cabelo e deixar por, pelo menos, 20 minutos. Então, enquanto o produto agia, fiz tudo que precisava: depilação, esfoliação...tudo com o chuveiro desligado, gente! hahahaha Nada de desperdiçar água enquanto espera os 20 minutos, não! 

Na hora do enxágue, senti que o cabelo estava limpo. E parecia em algumas áreas parecia "limpo demais" o que poderia ser sinal de que quando secasse, ficaria ressecado. Ainda no banheiro, passei o pente e os fios estavam embaraçados. Comecei a prever que não seria bem como imaginava. E não foi mesmo: achei melhor fazer uma escova (o fabricante diz que pode somente secar - com secador, de preferência). Não foi uma escova muito elaborada, mas para ajudar a alinhar os fios. O fabricante não pede que seja usada prancha, mas pranchei os cabelos. Nada de 5 , 10 vezes em cada mecha, mas pranchei o normal sem estar num procedimento específico. A princípio, achei que os cabelos iriam ficar tipo japa mesmo quando fiz a parte de baixo, pois ficou bem lisinho mesmo, macio, solto. Comecei a gostar. 


Tirando as pontas a mais, que cortei depois, achei que ia virar
japa mesmo! ;) 




Mas à medida que ia subindo a prancha, mecha a mecha, o cabelo já não demonstrava que ia virar japa coisa nenhuma! E aí já comecei ficar cabreira, porque já ia vendo que as pontas estavam mais secas. Usei um finalizador nas pontas para não ficarem tão ressecadas, mas quando terminei de pranchar tudo, realmente, meu cabelo estava seco, super elétrico e embaraçava demais.  As pontas, mesmo tendo usado um finalizador ( que o fabricante não indica nem "desindica" o uso) que também hidrata, no final, não adiantou nada, porque as pontas estavam parecendo o solo do sertão!




Eu e meu pijaminha de carneirinhos... :D


Nos dias subsequentes, embora eu tenha usado óleos finalizadores nas pontas, elas continuaram ressecadas. Por esse procedimento, não aprovei nenhum pouco o tal Liso Japa. Mas resolvi dar uma segunda chance para ele e usei mais da raiz ao centro do cabelo. O resto ficaria por conta da retirada do shampoo na hora do enxágue e, aí sim, as pontas pegariam um resquício dele. Mas não resolveu muito também.




Minha cara parece feliz com um cabelo de japa espigado???



Resultado: Liso Japa só nascendo japa mesmo, meu bem! Não gostei do acabamento nas pontas, que ficaram bem mais secas, mesmo com a informação desse "blend" de óleos de macadâmia e semente de uva para não ter como ressecar, doar brilho e maciez (mas ressecou! E não vi nada demais nem em brilho ou deixou macio, até porque ficou mais seco), mesmo modelando com a prancha, hidratando, usando finalizador. Em resumo, não gostei e ótimo que não comprei tamanho maior. Vendo por um lado ainda melhor: que bom que veio uma embalagem do tamanho de uma acetona!





Um beijo e até mais!







26 maio 2017

Auto-maquiagem especial com Mary Kay


Olá, meninas e meninos! Tudo bem? 
Hoje, tenho dicas para ambos! 


Semana passada no local onde trabalho, fomos presenteadas com uma sessão de limpeza de pele e auto-maquiagem com produtos da Mary Kay.

As queridas Hosana e Márcia, sempre gentis e agradáveis, passaram dois dias inteiros na Secretaria de Cultura, onde trabalho para levantar a auto-estima da mulherada em comemoração ao Dia das Mães, inclusive. Eu sou mãe de 4 gatas, então, acho válido ter participado da comemoração! hehehe








Mesa pronta para receber as meninas para
aula de auto-maquiagem



A sessão sempre começava com o gel de limpeza para remover as impurezas da pele e, em seguida, já entrávamos com o Kit Microdermoabrasão, que tem resenha aqui!



Linha Bothanical Effects


A linha Bothanical Effects passou por uma mudança total no layout: embalagem, cor, mas continua sendo os primeiros cuidados para peles a partir de 20 anos. Não é o meu caso, infelizmente! rsrs 





Linha batom matte At Play



Já comentei várias vezes que batom matte não é o meu favorito, mas ao passar nos lábios, estes deslizam bem sem empelotar. Depois, ficam com efeito matte mesmo, demora a sair da boca, só saiu quando fui tomar banho e usei a água micelar, mas senti a boca um pouco ressecada, embora nada que um lip balm não dê solução, né? Eu usei esse primeiro da linha At Play, da esquerda para direita, o rosinha.



Mesa pronta para receber as meninas na sessão de auto-maquiagem



KITS À VENDA DO DIA DAS MÃES E PERFUMES - UM MELHOR QUE O OUTRO! (cliquem
na foto para melhor visualização)





Olha que kit mais fofo esse de necessaire rosa...E o kit Be Delighted é delicioso! Esse potão de hidratante tem uma textura suave e de hidratação potente. O cheiro? Sabe cheiro de mulher ryca, meu bem? É! Todo mundo saiu com cheiro de mulher rica aquele dia! hahahahaha Sério...é muto bom! Ainda quero um pra mim.

Ah, pensa que esqueci de vocês, meninos? Na-na-ni-na-não! Eu disse que tinha coia boa pra todo mundo hoje...A linha MK Men mega cheirosa com espuma de barbear, loção hidratante intensiva FPS30, Gel Refrescante pós-barba, creme intensivo para área dos olhos, sabonete facial e tem o sistema de cuidados com gel de limpeza facial, loção hidratante intensiva e o creme para área dos olhos. 






Até a calculadora da Mary Kay é para cobiçar, fala a verdade... Dá até vontade de aprender a fazer conta! hehehehe





Foi um evento muito bacana e espero que volte mais vezes. Desse encontro, comprei um lápis preto retrátil porque tamanha é a minha dificuldade de encontrar um lápis que não borre tudo ao longo do dia. Mas logo trago o lápis para resenhar, ok?

Um beijo e até mais!






25 maio 2017

Síndrome do Ovário Policístico: você sabe o que é?


Olá, meninas!

Eu tive um retorno bem legal sobre a primeira matéria sobre a S.O.P e me cobraram que continuasse a falar sobre o assunto, mesmo que eu já ia falar mesmo rsrs Mas, valeu pelo retorno, meninas!

Recaptulando, o que é ovário policístico? É quando seu ovários ou ambos ficam cheios de pequenos microcistos (benignos), que medem em média por volta de 0,17 mm e faz com que os ovários sejam, na maioria das vezes, maior que o normal. Portanto, essa síndrome causa atrasos na menstruação, crescimento de pêlos pelo corpo, queda de cabelo, ganho de peso por retenção de líquidos e até problemas graves para engravidar. Mas calma que nem tudo está perdido! Se você passou naquele gineco sem o mínimo de tato e paciência para te explicar o que é, como tratar e se pode ou não engravidar, calma que agora, vamos conversar um pouquinho.






Não. Seus microcistos não vão crescer e se tornar um cisto ou um tumor, tá? Muita gente pensa que o caso pode agravar a ponto de desenvolver algum tumor. A resposta é não! MAS...se você não tratar o problema assim que perceber que algo está errado com sua menstruação ou algum outro sintoma que não tem que estar aí te perturbando, isso pode acontecer, sim. Mas pode não ser necessariamente nos ovários ou útero e sim, no endométrio.

Mas, afinal, o que é o endométrio? É uma pele ou membrana (imagine a placenta...é mais ou menos da mesma espessura) que recobre o útero, isto é, o endométrio protege as paredes do útero. Dê uma olhada no desenho abaixo como fica disposto o endométrio.






Estou sofrendo com os atrasos da menstruação. Acabo menstruando uma vez a cada 4, 6 meses e quando menstruo, sangro demais, parece que vou morrer!

Calma. Fica fria. É assim mesmo. Relatei que antes de saber que tinha essa danada, eu usava absorvente de parturiente, de tanto que descia! E essa irregularidade no ciclo é mais que esperada. Então, vá já logo para o ginecologista. 

Que tipo de tratamento posso fazer? Que remédio tomar?

Nada de tomar o que a amiga falou! É caso para o ginecologista e ponto final! É certo que ele vai receitar um remédio para fazer descer a menstruação (se já fizer muito tempo que não desce. Ex: Farlutal ) depois vai começar a tomar o anticoncepcional com doses mais baixas de hormônios para ir regulando o fluxo e o ciclo, mesmo que você ainda não tenha relações sexuais. 

Sinto muitas cólicas, além de descer muito. O que eu faço para amenizar?

Os anticoncepcionais vão ajudar muito com essa questão também. Além de regular o ciclo, as cólicas vão melhorar, pelo menos, 80%. No meu caso, as cólicas melhoraram 100%. É muito, muito difícil eu sentir cólica e, quando sinto, é algo que logo passa, até mesmo sem analgésicos. 

E se eu não quiser tomar remédios convencionais? Se eu quiser fazer um tratamento mais natural. Existe?

Olha, até já ouvi falar de tratamentos alternativos. Já vi pela internet mulheres que conseguiram inclusive engravidar fazendo tratamento mais natural, como o chá de unha de gato com uxi amarelo (deve encontrar em casa de produtos naturais) ou a água inglesa (que se encontra em farmácias). Como eu mesma não fiz uso desses produtos, não posso dizer sobre a eficácia deles. Mas se eu disser que não tenho vontade de testar, estou mentindo. Pois os anticoncepcionais trazem, ao longo do tempo, lá seus inconvenientes. Lembrando que quem está com suspeita de gravidez não pode, de jeito nenhum, tomar nenhum desses que citei acima!

Falam muito sobre anticoncepcionais que podem causar trombose e até AVC. Isso é verdade?

Sim, é verdade. Pois isso disse acima que tenho vontade de testar alguma terapia alternativa. Depois de quase 10 anos usando anticoncepcional, comecei a sofrer com enxaquecas, que tenho certeza absoluta que é por causa da pílula. Tentei trocar e piorou a situação. Podem alguns médicos dizer que uma coisa nada tem a ver com a outra, mas se um remédio pode te trazer enxaquecas fortíssimas, quem me garante que com mais idade não pode me dar um derrame??? E o meu anticoncepcional está na lista dos que mais causam esses tipos de problemas. Então, quem tem cu (ou ovários, útero, trompas), tem medo! hehehe

Devo procurar o endocrinologista junto com o ginecologista?

Nem sempre as mulheres optam por um tratamento concomitante, mas é uma boa, sim. Ninguém melhor para determinar sobre seus hormônios que o endocrino. Ele não vai averiguar somente seus hormônios femininos e masculinos, mas todas as glândulas como estão funcionando, antes e depois de iniciar o tratamento. Se eu tivesse mais esclarecimento quando descobri o problema, eu teria feito tratamento com os dois ao mesmo tempo.

Posso tomar essas ervas para o chá em forma de cápsulas, se mandar manipular?

Creio que até pode, mas qual medida você vai mandar fazer? Eu não sei. Isso é caso para seu endocrino te informar, se for o caso e se ele for a favor desse tipo de tratamento. Não sei qual quantidade se manipula para cada cápsula e, mesmo que soubesse, não diria. Seria irresponsabilidade da minha parte. Tudo você tem que perguntar para o seu médico!

E anticoncepcional injetável, eu posso tomar para caso de S.O.P.?

Pesquisei em sites médicos e há ginecologistas que podem indicar anticoncepcionais injetáveis (ex: Contracep) mesmo em casos de mulheres que tenham S.O.P. Mas cada caso é um caso! Se na sua família houver histórico de câncer de mama, útero, ovários ou alguns médicos são bem ortodoxos em não receitar injetáveis para histórico familiar de câncer na família em qualquer grau de parentesco, não é indicado tomar contraceptivo injetável em hipótese alguma! Pode ser mais prático, mas não é o mais seguro.

O que é a "água inglesa" e como devo tomar?

Na verdade, a água inglesa estimula o apetite e até trata má digestão. Feita com carqueja, losna, camomila, quina amarela e calumba, então, deve ser bem amarga (argh!). Porém, é tida como um poderoso desintoxicante de hormônios sintéticos (anticoncepcionais, por exemplo) e induz a ovulação, além de ajudar no processo de cicatrização interna após o parto e até na amamentação. Contudo, mesmo sendo uma ótima opção que é facilmente encontrada em farmácias, não é indicada para quem gastrite (eu...:(), úlceras gástricas (dentre outros), sensibilidade aos componentes, além de não poder ingerir na hipótese de gravidez, pois induz ao aborto. A quantidade a ser ingerida também é bem pouca por dia. Sugiro consultar o médico e perguntar mais sobre esta opção, pois como qualquer remédio tem lá seus efeitos colaterais.

Quero engravidar, mas tenho S.O.P. e se paro de tomar o anticoncepcional, a menstruação começa a atrasar mesmo que eu não esteja grávida. O que eu devo fazer?

Mais uma vez, relate para seu médico. Parou de tomar a pílula por indicação dele ou por conta própria? Ele tem acompanhado regularmente seu tratamento? Você fez um planejamento sobre isso e tirou suas dúvidas para engravidar? Eu não posso te dizer o que deve fazer, nem sua amiga, nem a vizinha. Só o médico que te acompanha pode falar o que e como deve fazer. A única coisa que posso dizer é que, baseado em tudo que já li sobre o assunto, quem tem o problema não engravida facilmente. Então, além de conversar com o médico, tenha paciência. 

Meninas, existem uma série de questionamentos sobre o assunto e, se alguém tiver alguma dúvida em que eu possa ajudar, podem perguntar. Deixando claro que não sou médica, mas tenho muita experiência no assunto por já conviver com a S.O.P. há muito tempo e poderei responder com base no meu próprio histórico. ;)

Beijos e até mais!







Créditos: duplararidade.blogspot.com / crescieagora.com.br


24 maio 2017

Kit Liso Mágico, da Lowell




Olá, meninas e meninos!



Quem não quer os cabelos mais lisos, mais bonitos, brilhantes e sem substâncias nocivas para a saúde? Cada vez mais as empresas vêm se dedicando a garantir para nós, consumidoras, o benefício de deixar nossos cabelos mais bonitos e saudáveis sem apelar para o formol.



 Lançamento da Lowell Cosméticos promete efeito liso sem formol e oferece 14 benefícios surpreendentes







Já imaginou conquistar cabelos lisos como num passe de mágica? Essa é a promessa do shampoo e do condicionador, da linha Liso Mágico Keeping Liss, lançamento da Lowell Cosméticos. Com fórmula natural e 100% livre de formol, os produtos são uma alternativa eficaz para quem busca a manutenção perfeita para a escova progressiva ou uma disciplina diferenciada, pois, além de prolongar o efeito liso, deixam os fios soltos, brilhantes e saudáveis á na primeira aplicação.
Formulados com um blend de ativos naturais, o shampoo e o condicionar não danificam os fios e podem ser utilizados em qualquer tipo de cabelo. Assim como o já existente Fluido Termoativado Liso Mágico Keeping Liss, que deve ser usado antes da escova e da chapinha para deixar o cabelo cada vez mais liso e deslumbrante, os novos produtos oferecem 14 benefícios mágicos:

1 - quanto mais você usa, mais liso fica! 
2 - indicado para todos os tipos de cabelos 
3 - prolonga o efeito liso 
4 – ultrasselagem 
5 - bloqueia a umidade 
6 - zero frizz 
7 - toque aveludado 
8 - proteção térmica 
9 - repara pontas duplas 
10 - desembaraço imediato 
11 - nutre e restaura 
12 - brilho cintilante 
13 - secagem rápida 
14 - livre de química.

Lowell - Shampoo Liso Mágico Keeping Liss – 240mlPreço sugerido ao consumidor: R$ 42,90
O Shampoo Liso Mágico Keeping Liss, da Lowell Cosméticos, é a solução mais inovadora e indispensável para quem deseja conquistar cabelos lisos. Indicado para todos os tipos de cabelo, o produto surge com uma fórmula hidratante e livre de formol e parabenos, permitindo resultados surpreendentes sem agredir o córtex capilar.  Seus 14 benefícios mágicos são:1 - quanto mais você usa, mais liso fica! | 2 - indicado para todos os tipos de cabelos | 3 - prolonga o efeito liso | 4 – ultrasselagem | 5 - bloqueia a umidade | 6 - zero frizz | 7 - toque aveludado | 8 - proteção térmica | 9 - repara pontas duplas | 10 - desembaraço imediato | 11 - nutre e restaura | 12 - brilho cintilante | 13 - secagem rápida | 14 - livre de química.
Modo de usar: Aplique o Shampoo Liso Mágico Keeping Liss no cabelo úmido e massageie até obter espuma abundante. Enxágue até a retirada completa do produto e repita a operação. Em seguida, utilize o Condicionador Liso Mágico Keeping Liss.
Lowell - Condicionar Liso Mágico Keeping Liss – 200mlPreço sugerido ao consumidor: R$ 42,90
Enriquecido com óleo de amaranto e fórmula livre de formol e parabenos,o Condicionar Liso Mágico Keeping Liss, da Lowell Cosméticos, complementa o tratamento iniciado pelo Shampoo Liso Mágico Keeping Liss para deixar os cabelos lisos. Contém 14 benefícios mágicos: 1 - quanto mais você usa, mais liso fica! | 2 - indicado para todos os tipos de cabelos | 3 - prolonga o efeito liso | 4 – ultrasselagem | 5 - bloqueia a umidade | 6 - zero frizz | 7 - toque aveludado | 8 - proteção térmica | 9 - repara pontas duplas | 10 - desembaraço imediato | 11 - nutre e restaura | 12 - brilho cintilante | 13 - secagem rápida | 14 - livre de química
Modo de usar: Após a limpeza dos fios com o Shampoo Liso Mágico Keeping Liss, aplique o Condicionador Liso Mágico Keeping Liss do comprimento às pontas, massageando para facilitar a absorção. Deixe agir de 1 a 3 minutos. Enxágue até a retirada total do produto. Para um resultado ainda mais surpreendente, utilize como leave in o Fluído Liso Mágico Keeping Liss.
Lowell - Fluido Termoativado Liso Mágico Keeping Liss – 200mlPreço sugerido ao consumidor: R$ 59,90




Fluido Termoativado Liso Mágico Keepping Liss, da Lowell Cosméticos, permite conquistar cabelos mais lisos e disciplinados, sem formol e qualquer tipo de química. Sua fórmula traz um blend de ativos naturais, como linhaça, e polímeros catiônicos, que formam um filme nas cutículas para promover disciplina, efeito liso e livre de frizz nos cabelos. Ao todo, oferece 14 benefícios mágicos:1 - quanto mais você usa, mais liso fica! | 2 - indicado para todos os tipos de cabelos | 3 - prolonga o efeito liso | 4 – ultrasselagem | 5 - bloqueia a umidade | 6 - zero frizz | 7 - toque aveludado | 8 - proteção térmica | 9 - repara pontas duplas | 10 - desembaraço imediato | 11 - nutre e restaura | 12 - brilho cintilante | 13 - secagem rápida | 14 - livre de química.
Modo de usar: 1 - lavar e condicionar os cabelos com o shampoo e o condicionador KeepingLISS Lowell | 2 - tirar o excesso de umidade com uma toalha | 3 - borrifar o Liso Mágico da raiz às pontas dos cabelos | 4 – secar e escovar os cabelos | 5 – se preferir, finalizar com a chapinha.

Sobre a Lowell

Fundada há 25 anos pelo empresário Paulo Andrade, a Lowell Cosméticos está entre as principais marcas profissionais de cuidados capilares do Brasil. Com um portfólio de mais de 100 itens, a empresa desenvolve produtos de qualidade, adequados aos diferentes desejos e necessidades dos profissionais do setor e dos consumidores. Em Itapira, interior de São Paulo, a Lowell mantém uma fábrica e um Centro de Desenvolvimento e testes de produtos, coordenado pela química farmacêutica Dra. Paula Monteiro Lobato. Além disso, a marca possui um Centro de Desenvolvimento Técnico em Campinas (SP), onde a equipe Lowell oferece cursos para atualização profissional e ensina conceitos de administração e gestão de salão de beleza. 

Eu já garanti o meu Fluido Termoativado e estou esperando chegar para resenhar para vocês. Nem preciso dizer que estou super ansiosa!

Um beijo e até mais!













Créditos: ilhadabeleza.com.br

22 maio 2017

1, 2, 3 Testando: 7 Dias Liss - liso temporário ou tratamento para seus cabelos


Olá, meninas e meninos! Tudo bem???


Testei um produto que preciso contar para vocês!

O site da La Bella Liss tem produtos que são uma verdadeira perdição para a mulherada! Tem que se controlar porque você quer sair comprando tudo para testar!

Mas já tinha ouvido falar do 7 Dias Liss e resolvi que esse seria o primeiro que compraria. Ok, comprei mais coisas, mas ele foi o primeiro no carrinho.







Este produto serve tanto para dar manutenção aos seus fios já lisos e facilitar o alinhamento quanto quem tem cabelo enrolado e quiser mudar de visual para um evento especial sem alterar a estrutura dos fios com substâncias perigosas à saúde, dando aos cabelos mais versatilidade. O ativo deste leave-in  é a Turmalina Branca e Ácido Lático. O cheiro dele é bem adocicado, mas depois de secos fica mais suave.  É bem fluido, leve, não vai deixar pesado de jeito nenhum.

Quando começara a utilizar o calor do secador e prancha, dá ara sentir um cheiro que ao entrar pelas narinas, deixa a garganta um pouco seca, mas é só tomar água, certo? O pump para aplicar também super facilita porque você vai dosando quanto precisa para a necessidade do seu cabelo. Passe, principalmente, nas pontas. Vi algumas resenhas sobre este produto onde prometiam que ele segurava a umidade, chuva, etc. Uma garoinha fina ele até dá uma segurada, mas chuva? Nem pensar! Elé é bom, mas não faz milagre, tá? 





O que interessa é o resultado final: você lava seus cabelos com shampoo da sua preferência e aplica o 7 Dias Liss. Antes de usar o calor do secador e chapinha, deixe agir por uns 5/10 minutos. Aí sim, pode secar os cabelos, ou se quiser fazer uma escova, melhor ainda. Mas é na hora de pranchar que você percebe que o cabelo vai ficando beeeeem lisinho, super alinhadinho, gostoso ao toque e totalmente desembaraçado! Meu cabelo não embaraçou uma vezinha sequer com esse bonitinho nos fios, gente. Uma belezinha! 

Geralmente, não gosto que mexam no meu cabelo porque com os fios finos, é fácil virar um ninho de rato e vive embaraçado! Mas as pessoas tinham vontade de passar a mão no meu cabelo e não machucou, não ficou oleoso e estavam super soltinhos, macios...uma amiga ainda me falou: "que cabelo lindo, gostoso de passar a mão...parece crina de cavalo!" Uau! Tem elogio melhor que esse, comparar o cabelo com crina de cavalo que é a coisa mais linda da vida??? 

Nem preciso dizer que ameeeeei esse produto e já faz parte e nunca vou deixar de ficar sem ele porque realmente é muito bom!

Então, é isso, meninas! Se não conhecem ainda a La Bella Liss, este é um bom começo para conhecer. ;)

Para comprar, é só clicar onde citei La Bella Liss que vai te direcionar ao site diretamente, ok? 


Beijos e até mais!!!






19 maio 2017

1, 2, 3 Testando: Kit Alisena, da Muriel Cosméticos



Olá, meninas e meninos! Tudo bem com vocês???


Como prometido, hoje vou falar sobre o kit Alisena que recebi no evento da Influbeauty, patrocinado pela Muriel Cosméticos.








Esse kit não contém formol, nem tioglicolato e nem sal. Trata-se de  um tratamento para manter seus cabelos mais alinhados, hidratados, bonitos, soltos, com balanço natural de cabelos lisos. O kit consiste em 4 passos (shampoo, condicionador, máscara e finalizador) livres de sal, parabenos ou tioglicolato. Na composição, D-Pantenol, composto de aminoácidos, ácido lático e ácido glicólico.

- Shampoo Amido de Milho: possui a tecnologia Few Poo, ou seja, limpa os fios sem contendo menos detergentes e sem sal;





-Condicionador Amido de Milho: Promove brilho e maciez e tem efeito selante, por isso deve ser usado depois da máscara. Porém, pode ser de uso diário também;





-Máscara Amido de Milho: com pH 3 para super hidratar, com amido de milho, ácido lático, ácido glicólico, D-Pantenol e mix de aminoácidos;






- Finalizador Amido de Milho: com os mesmos componentes da máscara, vai ajudar a nutrir, proteger, além de ser termoativado, o que é ótimo para quem usa secador e/ou chapinha, além de diminuir pontas duplas e frizz.






 O que eu achei?


O shampoo Alisena limpa bem mesmo, mas faz bastante espuma, sim. Não achei nem necessária a segunda aplicação, pois já de cara achei que os fios estavam bem limpos de verdade. Depois, com a toalha, vc retira o bem excesso de água para aplicar máscara e deixa por 20 minutos. Não adianta passar desse tempo. São 15/20 minutos. Como preferi atingir o máximo do tempo, fiquei os 20 minutos com a máscara. A máscara é bem consistente, mas não dura como algumas por aí. Ela é coesa, firme. Quando enxaguei, não senti o cabelo "desmaiadinho", vamos dizer assim. Ficou mais desembaraçado, mas uma hidratação normal. Novamente, retira com cuidado o excesso de água para receber o condicionador, que você deixa por apenas 3 minutos para selar os fios. E realmente, aí senti uma diferença. É como se passasse um filme protetor nos fios e senti mais maciez nesta etapa. O Finalizador achei bem ralinho, fininho. Apliquei em todo comprimento do cabelo, mas ainda nas pontas, mas não senti ainda um grande resultado, achei até meio fraquinho, para dizer a verdade. Mas...como sempre tem o MAS, quando sequei os cabelos, pranchei...aí sim, veio o resultado satisfatório: mais liso, hidratado, macio, sem embaraçar nadica de nada , sem frizz e as pontas duplas, simplesmente, desapareceram! Ou seja, quando o procedimento todo terminou, eu adorei!

Não usei nenhum dos itens separados, já que se trata de um tratamento que deve ser utilizado periodicamente e vou usar mais vezes para que eu perceba mais ainda os benefícios, mas o que me faz acreditar é que, individualmente, são itens que terão uma ação comum, mas juntos, dão um resultado fabuloso e seus cabelos ficam com cara de saudáveis, super soltos e realmente o "balanço" do cabelo fica diferente e realmente, cumpre o que promete. O conjunto da obra é surpreendentemente maravilhoso! Recebi elogios esta semana e várias pessoas perguntaram: O que você fez no cabelo? Tá lindo!" É isso que Alisena faz por seus cabelos! 

Outra informação não menos importante: a Muriel NÃO TESTA EM ANIMAIS! E acho isso o máááááximo!




Se vocês já usaram, podem me contar aqui. Se não usaram, o produto está aprovadíssimo!

É isso...beijos e até a próxima!












Creditos: sermelhor.com.br

Australian Gold Autobronzeador sem erros: regras básicas para um bronze de verão o ano inteiro



Olá, meninas e meninos!

Pegaram um bronze no verão e já está ficando meio apagadinho ou já foi embora?







Usar autobronzeador não é novidade para quem deseja prolongar ou manter o bronze do verão o ano inteiro, mesmo assim, dúvidas sobre tempo de duração e uso correto são sempre muito recorrentes. Isso acontece porque, apesar do produto dar àquele bronze incrível à pele e de não ser prejudicial, qualquer falha na aplicação pode trazer resultados indesejados, como manchas no corpo e na roupa, sem contar aquela cor alaranjada nada natural.
Rainha das praias, das piscinas e expert em oferecer produtos de proteção para um bronzeado saudável, a Australian Gold também tem o seu queridinho para um bronze de verão sem sol. É a Loção Autobronzeadora Self Tanning, que se diferencia principalmente por deixar o corpo com uma cor dourada instantânea e por contar com um neutralizador de odores, que não deixa aquele cheiro desagradável característico dos autobronzeadores.
Para explorar ao máximo os benefícios do produto e conquistar uma cor de verão o ano inteiro, basta seguir algumas regrinhas: 1) Esfolie todo o corpo para remover células mortas e impurezas, e garantir uma pele macia, lisa e uniforme, para um autobronzeamento sem manchas e duradouro; áreas mais ásperas, como cotovelos, joelhos, tornozelos e pés pedem uma esfoliação mais intensa; 2) Na hora de aplicar o autobronzeador, use uma luva de silicone para evitar o contato direto do produto com as mãos, sempre passando de baixo para cima, em movimentos uniformes e precisos; se não utilizar luvas, lave as mãos assim que finalizar; 3) Aguarde o produto ser absorvido totalmente pela pele antes de se vestir e evite qualquer contato do corpo com a água por um período de quatro horas – tempo necessário para que o ativo de autobronzeamento faça efeito por completo; mesmo assim, em apenas uma hora, já será possível perceber a mudança na coloração.
Com uma única aplicação, o corpo já ganhará um tom bronzeado, com duração média de sete dias. Se quiser intensificar o efeito, basta repetir o passo a passo a cada dois dias, até chegar à cor desejada. Depois, é só reaplicar semanalmente para manter a cor e exibir sempre um bronzeado perfeito – típico de quem acabou de passar uma temporada num destino paradisíaco de verão.
Australian Gold – Loção Autobronzeadora Self Tanning – 130 ml
Preço sugerido ao consumidor – R$ 79,90


Australian Gold
Australian Gold
 
é uma marca de produtos solares, com mais de 30 anos de tradição, considerada uma das mais conceituadas no mundo. Seus produtos são desenvolvidos com fórmulas exclusivas e patenteadas, com foco na proteção e no tratamento da pele e com poder de bronzeamento superior. São todos resistentes à água e livres de PABA, além de serem Eco-Frindly, livres de óleo mineral e com embalagens 100% recicláveis. No Brasil, a marca está presente com acelerador e intensificador de bronzeado, bronzeador, autobronzeador, pós-sol e protetor solar, todos com a fragrância assinatura Cocoa Dreams, inspirada nas praias tropicais.
Como já disse várias vezes aqui, por ser muito branca e com tendência à manchas na pele muito facilmente por conta do sol acabo meio que fugindo dele, mas adorei a alternativa de não precisar ficar branquela o ano todo e não precisar nem se sol para ficar mais moreninha, com mais cor de saúde.
Para quem quiser mais informações sobre os produtos Australian Gold, aqui vão os endereços das redes sociais: Facebook, Instagram e o telefone de Atencimento ao Consumidor que é o 0800 77 33 450.

Um beijo e até mais!


17 maio 2017

Ansiedade (parte 1): não é tão simples quanto você pensa


Olá, meninas e meninos!


Continuando com nosso ciclo de postagens falando sobre os transtornos mentais que mais acometem as pessoas no mundo atualmente, vamos falar hoje sobre a ansiedade.

"Como assim ansiedade é um mal que pode virar um transtorno? Todo mundo é ansioso!" Pode até ser, mas nem toda ansiedade fatalmente virará um transtorno. Temos este pré-conceito porque até não muito tempo atrás, falar que era ansioso era algo até banal. "Sou ansiosa demais! Quero tudo para ontem!" Não é desse tipo de ansiedade que vou tratar aqui. E nunca, ninguém, poderia adivinhar que isso poderia vir a ser considerado uma doença ou um transtorno.

Eu sempre fui uma pessoa muito ansiosa desde criança, daquelas que sofrem por antecipação, mas nunca vi que isso poderia me trazer problemas maiores. Nem sabia, aliás. E acredito que não foi minha ansiedade às situações cotidianas que me trouxe um problema maior, porque são duas coisas totalmente diferentes. Uma coisa é ficar roendo as unhas porque vai ter uma prova que depende sua vida disso rsrs Outra é você começar a sentir uma série de sintomas aparentemente desconexos que vão transformar sua vida num verdadeiro inferno!

Hoje, já reconstituído alguns fatos, tenho consciência que tive dores muito fortes no peito que apareciam do nada. Uma dor que não me deixava respirar. Cheguei chamar minha mãe porque tinha medo que me acontecesse algo e estivesse sozinha, pois não teria forças para gritar. Hoje, sei que até aquilo, que senti muitos anos antes ( a primeira foi por volta de 2005, 2006). Depois dá uma trégua e, mais recente mente, de 2013 para cá, esporadicamente, a dor maldita aparecia, mas cheguei até pensar que fosse gazes rsrsrs Mas não. Era coisa bem pior.





Você pode ainda achar que isso é muito normal devido ao dia-a-dia que as pessoas levam: é um corre-corre desgraçado para lá e pra cá, quem vive nos grandes centros não sabe mais direito que horas acordar, nem ao que priorizar, a que horas precisa levantar para a reunião do dia seguinte, sua mesa está uma bagunça e isto não te deixa trabalhar direito, você começa pensar em zilhões de coisas ao mesmo tempo que não chega à conclusão nenhuma, antes de deitar pensa tanto mas tanto no que tem que fazer no dia seguinte que já se sente cansado antes de dormir e levanta cansado também. Os pensamentos são tantos e tão rápidos que parecem que correm como a velocidade da luz. E no fim das contas, você não conseguiu pensar em nada direito, nada tem sentido.

Ainda você quer mudar de emprego porque tem ganhado mal, não consegue dar conta nem do cartão de crédito, o chefe te inferniza, a qualidade do cotidiano no trabalho está cada vez mais nociva e você não encontrou uma saída. Ainda. Esse "ainda" é como um tapa na cara te dizendo "AINDA está fazendo as mesmas coisas de 10 anos atrás? Quando, finalmente, vai dar um jeito nesta vida e começar a viver de verdade?"

O tempo não é nosso aliado. Nunca foi, aliás. Quanto mais o tempo passa, mais temos a sensação que é menos um dia para fazer o que sempre precisou e tem postergado, fazendo com que continue do mesmo jeito de sempre. 

E pensando, pensando, pensando sem parar nessas questões, no emprego que vai mal, nos estudos que não sabe se é mais isso mesmo que quer, na carreira que antes te fazia bem, mas hoje não mais e procura desesperadamente por uma saída que segue pensando, pensando e pensando...pensa, pensa, pensa...dá voltas e mais voltas aí dentro da cabeça sem chegar à conclusão alguma que, quando percebe, não está mais pensando com a razão e pensando coisas sem sentido, não está mais racionalizando para buscar alternativas e vai se sentindo impotente, perde o sono só em pensar nas coisas que precisa fazer só no dia seguinte, quanto mais pensar na sua vida como um todo! 




Quando se dá conta, já está perdendo o sono. Em 2015, comecei a apresentar insônia. Ficava uma ou duas noites sem dormir por semana ou acordava lá pelas 2h até às 4h da manhã e não dormia mais...Passam-se meses. Quando se dá conta, a insônia já te faz companhia toda maldita noite. Pode tomar chá de camomila, Maracujina, fitoterápico ou o que quiser que você não consegue "desligar". 

Durante o dia, não consegue parar quieto num canto. Comecei ficar elétrica demais. A minha agitação é na cabeça, nunca foi física. Parecia que tinha cheirado umas hahaha ( Tô rindo agora!). Não consegue se concentrar nem para ler um livro que tinha vontade de ler ou que precise estudar. Aliás, estudar se torna algo impossível porque, a essas alturas, minha concentração já tinha ido pro saco fazia tempo. Chegava em casa exausta e nem sabia o porquê. Se sente nervosa e irritada com tudo e todos que não consegue nem participar de uma conversa amena sem que esta acabe em discussão. Uma pessoa pacífica se torna briguenta, detesta a ideia de se encontrar com amigos, tudo neles hoje te deixa louco. Você procura algo importante sem se dar conta que você mesmo jogou fora junto com papéis que eram "inúteis" para você naquele dia e depois percebe que vai precisar deles e como pode jogar tudo fora...Você começa perceber que algo está fora do lugar. Você está fora de ordem.

Aí, começa sentir taquicardia, do nada. Um dia, dois...semana seguinte, 3 ou 4 dias. De repente, você está andando e se sente mal. Não sabe se aquilo é um princípio de infarto ou quem sabe o que pode ser isto! O coração parece que pula na intenção de saltar pela boca. Você começa a tremer, sente-se zonzo, parece que vai cair, que não coordena mais seus movimentos, não consegue comer...parece que tudo é indigesto, o estômago dói ou sente enjoo de tudo. 

Sentia já há meses antes tontura e enjoo, começava do nada. Achava que pudesse ser pressão baixa. As meninas do trabalho brincavam que eu estava grávida, mas claro que eu sabia que não era. Cada vez que lia as coisas e percebia que minha concentração e atenção já não existiam mais. E assim foi indo...

O dia que a ansiedade atingiu o ponto máximo em mim foi o dia que teve uma discussão na sala de trabalho, onde já vivíamos uma onda negativa há meses e quando fui embora, estava dentro do ônibus e via o asfalto fazendo ondas, como se estivesse na água...foi a sensação mais estranha e louca que tive na vida! A ilustração não vai mostrar nem de longe como via o chão, mas imagine estar andando e ver o chão fazer isso:




Encontrei uma vizinha na farmácia em frente ao ponto onde descia e um moço me ajudou a descer, pois sozinha eu teria caído. Estava totalmente fora de mim e não enxergava coisa com coisa. Pedi ajuda à vizinha, que precisou me ajudar a atravessar a rua e me levar até em casa. Ela dizia que eu tremia igual vara verde e eu sentia suar frio. "Menina, você está tremendo demais!" A respiração era deficiente, quase ofegante, como se eu não conseguisse respirar direito. "Você está com todo sintoma de Síndrome do Pânico" NÃO! ISSO, NÃO!

Eu dizia que não, só precisava descansar, que estava cansada e um pouco estressada, o dia tinha sido difícil. A vizinha ainda alarmou minha mãe, que vinha de 5 em 5 minutos ver como eu estava, pois eu caí na cama como se tivesse carregado 20 quilos de pedra o dia todo, exausta. Exausta de estar me sentindo tão mal. Quando sozinha, chorava do nada. Sentia o peito tão apertado que chegava a doer e cheguei a pensar que podia sofrer um ataque do coração mesmo. Eu chorava e tentava ao mesmo tempo me convencer que estava tudo bem para me acalmar mas, no fundo, eu sabia que nada estava. Eu estava apavorada sentindo todas aquelas coisas! E quer saber? Acho que naquele momento, nem saberia explicar o que sentia direito. Me sentia com medo e confusa. Foi um dos piores dias da minha vida.

Isso foi numa sexta-feira à noite. Na segunda, corri para o médico, que disse se tratar de labirintite. Ok. "Ufaaaa!" Comecei me tratar com Labirin e Dramin (sim, o remédio para enjoos. E é muito bom.). Melhorou um pouco o sintoma de vertigem, mas o resto não. E eu pensei: "Merda! Não é só isso! O que é agora?!"

Não tinha relatado as outras coisas que senti dias antes e nem que há meses não sabia o que era dormir direito. Voltei lá e abri o jogo. "Filha, não posso dizer com exatidão o que você tem, mas não é só labirintite. Você pode estar com síndrome do pânico. Você precisa de um psiquiatra" "O quê??? Psiquiatra???" - eu disse, apavorada. "Que diabos eu tenho, afinal???". Minhas questões eram muitas. "O senhor não pode me tratar?" perguntei para o médico. "Até posso ajudar quando precisar de receita médica, mas não para diagnosticar com exatidão o que você tem. Para tanto, não vou te receitar nada, além de um calmante fitoterápico" Me deu vontade de enfiar o tal do fitoterápico no fiofó dele! 

E assim fui parar no psiquiatra. E ainda bem que não fugi do fato de precisar me consultar com um, porque foi graças a ele que descobri que sofria (ainda sofro) de Transtorno Ansioso-Depressivo. (TAD). Contei um pouco da passagem ao psiquiatra no post anterior. Se quiser saber mais, é só dar uma olhada no post onde falo sobre a depressão. 

E sobre essa descoberta, o tratamento que faço e como esse transtorno se apresenta eu vou abordar num outro post, porque este já ficou imenso! rsrs

Continua...

Beijos e até a próxima!










Créditos: ativapsicologia.com.br / maeseamigas.com.br / newsbysoniasilvino.blogspot.com.br