Image Map

09 novembro 2015

Resenha: Kit Inoar Argan Oil Keratin System


Olá, pessoal! Tudo bem com vcs?


Hoje venho falar de um kit que já faço uso há um certo tempo, acho que uns dois anos, que é o KIT INOAR ARGAN OIL KERATIN SYSTEM. Por que falar de um produto que não é lançamento e já uso há algum tempo? Porque a fórmula do passo 2 e mais importante mudou recentemente. E muito.

A formulação é, talvez, uma das mais suaves do mercado, diminui frizz e ajuda alinhar os fios. Outra coisa: sua fórmula não leva formol, porém contém o tal ácido glioxílico, que levanta muitas polêmicas por aí por ser, talvez, uma variação do mesmo. Eu já usei a Escova Marroquina da Inoar anos atrás e fui parar no hospital. E nem achei que deu grandes efeitos para o estrago que causou, não achei que o resultado foi muito melhor do que usando este kit e prejudiquei minha saúde naquela ocasião. Portanto, não compensou nenhum pouco. Nada que deixe a sapude tão exposta vale a pena.Nada!

Segundo ponto: a consistência do passo 2 mudou totalmente. E se vc já vu por aí ou já usou, deve ter estranhado tanto quanto eu. A embalagem é a mesma, mas o passo 2 foi alterado drasticamente.

O kit é apresentado em Shampoo de Tratamento anti-resíduo (passo 1), Tratamento Anti-Frizz (passo 2) e Bálsamo Reconstrutor ( passo 3) todos em 250 ml, conforme mostra a foto abaixo: 





Percebam a consistência do passo 2 antes e depois. Nada a ver, né?





Mas, efetivamente no procedimento, o que mudou? 

Antes - o efeito do produto durava mais nos cabelos. O cheiro não é dos melhores enquanto aplicava, mas era suportável (embora agora não tenha mudado muito). Porém, algumas vezes quando lavava a cabeça sentia-se um cheiro estranho, mas...Os fios ficavam mais disciplinados, alinhados antes e o cabelo não ressecava tanto. E nada que uma boa hidratação não resolvesse.

Agora - aparentemente, o cabelo fica solto e até bonito como antes, mas basta uma suadinha e já sente um cheiro desagradável na cabeça. O couro cabeludo coça muito mais que antes, que na maioria das vezes, nem chegava a coçar. Depois de usar essa nova versão, fiquei com uma caspa danada tbm. Como antes o produto era mais cremoso, não havia necessidade de usar tanto produto, pois parecia mais uma hidratação do que um procedimento em termos de consistência. Portanto, durava muito mais e o cabelo ficava bonito por um bom tempo, o mesmo não posso dizer agora...Ainda tem a alteração para a forma aquosa que se apresenta, é muito mais fácil haver desperdício na aplicação, embora a intenção da Inoar deve ter sido exatamente o contrário. E o ressecamento dos fios é mais que notável e mais complicado tratar, não basta só uma boa hidratação, não. Já estou procurando um cronograma capilar para recuperar os fios, sendo que minhas pontas por natureza já são ressecadas. Além disso, notei que meu cabelo voltou a cair. Para um tratamento tido como mais suave, não é um ponto nada positivo.

O que ainda permanece a mesma coisa é que realmente diminui o frizz (bom, cumpriu o objetivo), não mancha o cabelo, os fios ficam soltos logo após o procedimento e com aspecto mais saudável, mas não importa só quando os cabelos estão ainda com parte do produto, o efeito tem que durar depois de remover tudo também, então, será que ainda compensa?




COMO USAR: Eu usei de duas formas esse produto: a indicada pelo fabricante à risca e a que vou relatar como eu faço uso desde sempre e das duas formas o efeito não altera: Lavar bem os cabelos com o shampoo passo 1. Dar uma secadinha para deixar os cabelos úmidos e aplicar o passo 2. Com um pente fino, vou alinhando os cabelos algumas vezes enquanto o produto age. Tempo aproximado de 30 minutos. Retiro o produto com bastante água, mas não se preocupe que ele ficou agindo no cabelo...Depois, seco como de costume. O fabricante indica uma escova para já ir ajudando a dar forma, mas o que interessa mesmo é a parte da prancha. Use umas 5 ou 7 vezes em cada mecha, nem muito fina nem grossa demais. O fabricante indica que depois do cabelo esfriar, aplicar o passo 3, que é como um selante, aguardar 15 minutos e retirar tudo e depois secar de novo e finalizar, mas eu deixo essa etapa para a próxima vez que lavar e mesmo com a aplicação do passo 3, os cabelos já ressecam. Até mudarem a consistência do passo 2 isso não acontecia e eu usava exatamente da mesma forma.

Eu confiava nesse kit antes de mudarem tudo. Não sei porque mudar um dos passos e o mais importante do nada e sequer avisar isso. O pior é que fizeram essa alteração sem avisar nada para o consumidor, nem na embalagem traz em algum campo que houve alguma mudança (como vcs podem ver nas embalagens acima) e muito menos na composição do produto que está inalterada, mas pelo que relatei, é óbvio que a mudança aconteceu e foi para pior. Agora, talvez ainda o use se não encontrar uma fórmula suave e que cumpra o que promete com durabilidade por um preço justo.

Me digam se já usaram, se estão usando só agora e o que acham, se conhecem o produto...enfim, me digam o que acham e, principalmente, se conhecerem um sistema de tratamento similar a indicar, aceito sugestões tbm. ;)

Espero ter esclarecido bem as diferenças e ajudado vcs se pretendem comprar produto semelhante.

Um beijo e até mais!